A Inquisição – Um Tribunal de Misericórdia – Cristian Iturralde

A Inquisição - Um Tribunal de Misericórdia - Cristian IturraldeA Inquisição é um tribunal conhecido mais pelo que dele já se disse do que pelo que em realidade foi. Todos parecem “saber” que a Inquisição foi algo execrável, reprovável, negativo, mas se alguém lhes perguntasse: por quê?, o que foi?, quando foi?, muito provavelmente não saberiam responder — ou responderiam errado, não tanto por malevolência calculada, mas por haver obtido seus conhecimentos escassos ou profusos em livros mais populares do que apropriados. Neste livro, o autor segue definitivamente o caminho da busca constante da verdade, doa a quem doer, apoiando-se para isso em fontes documentais de primeira ordem e irrefutáveis de qualquer ponto de vista. Para isso ele reuniu os dados mais relevantes das pesquisas mais recentes, sem deixar de recorrer a análises anteriores de autoridades conhecidas que trataram deste tema, dando preferência sempre àquelas fontes que em nada podem ser suspeitas de simpatia para com a Igreja, a Espanha ou a Inquisição.

Sobre o autor

Cristián Rodrigo Iturralde (Buenos Aires, Argentina, 4 de junho de 1979) é um historiador e ensaísta revisionista de tendência nacionalista, católica, hispânica e antiperonista. Seus temas de interesse são variados, especialmente suas obras sobre a História da Espanha e da Igreja Católica e seus estudos sobre o peronismo e o “marxismo cultural”. Até o momento, publicou 7 livros, alguns deles traduzidos para outras línguas e apresentados no país e no exterior, com edições na Espanha, México, Colômbia e Brasil (e em breve, nos Estados Unidos). Também tem colaborado em diversas publicações nacionais e internacionais (impressas e digitais), como a Cabildo Magazine, Republican Press, Diario Reconquista, etc.

Entre outras distinções, cabe destacar que é Membro Acadêmico Titular do Instituto Nacional de Pesquisas Históricas Juan Manuel de Rosas (Secretaria de Cultura da Nação, Argentina, 2017); Membro Acadêmico do Instituto Histórico de Santiago de Liniers (Argentina, 2016); com um Reconhecimento da Universidade Autônoma de Guadalajara (UAG: México, 2015) e outro do Estado de Querétaro, México, pelo trabalho intelectual (2019). Em 2016, a Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos adquiriu e incorporou as obras do autor ao seu catálogo.

Compartilhe

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *