Raízes da Cultura Ocidental – Herman Dooyeweerd

Raízes da Cultura Ocidental - Herman Dooyeweerd “Raízes da Cultura Ocidental” é uma cuidadosa avaliação das forças motrizes religiosas mais profundas por trás de todo o desenvolvimento cultural e espiritual do Ocidente. Dooyeweerd sustenta que o pensamento teórico nunca foi nem jamais poderá ser neutro. Cada pensador é movido por um impulso religioso ao tentar definir a realidade e explicitar a sua cosmovisão.

Herman Dooyeweerd (1894-1977), filósofo reformado holandês, fez significativas contribuições para a filosofia e para o pensamento teórico de modo geral. Dentre elas estão a discussão sobre diversidade e coerência em nossa experiência cotidiana da realidade, as condições transcendentais para o pensamento teórico, e a relação necessária entre religião e teoria. Esse conjunto de aspectos tem encontrado aplicação em análise prática, pesquisa e ensino em diversas áreas.

Sobre o autor

Herman Dooyeweerd nasceu em Amsterdã, em 1894. Em 1912, iniciou seus estudos em Direito na Universidade Livre de Amsterdã. Cinco anos mais tarde, obteve seu doutorado em Direito Constitucional sob a orientação de D. P. D. Fabius. Em 1926, deu início a sua longa e frutífera carreira acadêmica, tornando-se professor de Filosofia e História do Direito na Universidade Livre de Amsterdã, da qual foi professor até se aposentar, em 1965.

Veja Também

Compartilhe

Comentários

Nenhum Comentário Ainda

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *