Manifesto do Nada na Terra do Nunca – Lobão