Dostoiévski – Do duplo à Unidade – René Girard

Dostoiévski - Do duplo à Unidade - René GirardDostoiévski: Do Duplo à Unidade, o segundo livro publicado por René Girard, foi escrito para a coleção “Em Busca do Absoluto” (La Recherche de l’Absolu) da Editora Plon, e veio à luz em 1963. Neste instigante retrato psicológico e literário do autor russo, Girard aperfeiçoou o método inicialmente desenvolvido em Mentira Romântica e Verdade Romanesca (1961), além de prefigurar a imaginação apocalíptica, cuja consumação pode ser vista em Rematar Clausewitz: Além Da Guerra (2007), seu último grande livro.

Compreenda-se, porém, o emprego girardiano do termo apocalipse: trata-se de recuperar a força de sua etimologia. Imaginação apocalíptica, nesse contexto, é uma aposta no poder da revelação relativa à centralidade da violência nas origens da cultura humana. Diante de tal evidência, uma pergunta ética se impõe: como manter sob controle a violência que necessariamente constitui o propriamente humano? A presente edição encontra-se enriquecida por um DVD que contém entrevistas realizadas pelo escritor e cineasta Daniel Lance com o criador da teoria mimética, René Girard, e com dois dos mais importantes intérpretes do seu pensamento, James Alison e Mark Anspach.

Sobre o autor

René Girard – Esse imortal da Academia Francesa, chamado por alguns “o Darwin das ciências humanas”, revolucionou os estudos em antropologia, literatura comparada, história das religiões e psicanálise com a sua Teoria Mimética. Suas dezenas de livros articulam e revisitam brilhantemente obras grandes e díspares como as de Lévi-Strauss, Marcel Mauss, Miguel de Cervantes, Dostoiévski, Mircea Eliade, Rudolf Otto, Sigmund Freud, Jacques Lacan e muitos outros. Foi professor da Universidade de Stanford, nos EUA. Faleceu em 2015.

Veja Também

Compartilhe

Comentários

Nenhum Comentário Ainda

Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *